turbilhao-de-ritmos:-nacao-zumbi-e-alceu-valenca-agitam-a-abertura-do-carnaval-de-olinda

Turbilhão de ritmos: Nação Zumbi e Alceu Valença agitam a abertura do Carnaval de Olinda

Fotos: Arquimedes Santos

A aclamada Nação Zumbi e o cantor e compositor Alceu Valença agitaram com o peso dos tambores e muito frevo o Polo Erasto Vasconcelos, no Carmo, durante a noite de abertura do Carnaval de Olinda.

O grupo, nascido no início da década de 1990, colocou todos para cantar músicas de seu repertório, como “Foi de Amor” e “Quando a Maré Encher”, além de sucessos da época em que Chico Science comandava os vocais, incluindo as clássicas “Macô”, “Manguetown”, “Banditismo Por Uma Questão de Classe” e “Maracatu Atômico”. Cannibal, da Banda Devotos, e Caboclos de lança do Maracatu Piaba de Ouro participaram da festa junto à banda ícone do movimento Mangue Beat.

Chico Science é reverenciado pelo público. Foto: Arquimedes Santos 

Alceu Valença e sua energia contagiante chegaram logo após a Nação encerrar sua apresentação. No palco do Carnaval olindense, o Bicho Maluco Beleza interpretou “Diabo Louro”, “Rosa Vermelha”, “Girassol” e grandes sucessos de sua carreira para festejar com quem foi até o Pátio do Carmo para dar início à festa mais democrática de Pernambuco.

Horas antes de Nação e Alceu, Ed Carlos e Maciel Salú, filho do inesquecível Mestre Salustiano, animaram os foliões. Olinda mostrou que o carnaval se abre com artistas da terra e não com artistas de outros estados. Parabéns!

09/02/2024 às 08:23 – Por Andros Silva



About Redação

Veja também

prefeitura-do-jaboatao-e-ipa-realizam-mutirao-para-facilitar-acesso-de-pescadores-a-politicas-publicas

Prefeitura do Jaboatão e IPA realizam mutirão para facilitar acesso de pescadores a políticas públicas

Foto: Chico Bezerra/PMJG A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes, em parceria com o Instituto Agronômico …