Lapso de memória faz Elias Gomes “esquecer o que ele mesmo não fez”. Eita Elias, parou,parou,parou !

Por Luiz Gonzaga Jr – Hoje Pernambuco

Mais um capítulo da série: “Esqueci o que fiz porque no final eu não fiz” protagonizadas pelo ex-prefeito Elias Gomes(PSDB) que na época era Aécio Neves(do Helicóptero) e hoje é Elias Gomes(PT) que é Lula.

Após uma resposta tentando dizer que a prefeitura estava errada mas informações, os documentos assinados por sua gestão comprovam o que todo mundo já sabe menos o próprio Elias Gomes. Vamos aos fatos !

“Boa tarde,

A respeito de informações do ex-prefeito Elias Gomes sobre convênio com o Ministério das Cidades para obras em áreas de risco, a Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes volta a esclarecer:

Todas as informações encaminhadas pela assessoria de imprensa da prefeitura podem ser consultadas em documentos públicos. A fim de evitar a disseminação de notícias falsas, encaminhamos em anexo tais documentações e destacamos aqui alguns trechos que comprovam a veracidade dos fatos e que podem ser vistos integralmente pelos comunicadores, para darmos essa questão por encerrada.

1. Como informamos anteriormente, o convênio em questão trata-se do Termo de Compromisso Nº 0402.318-30, pactuado em 2012, ao final da primeira gestão de Elias Gomes, quando houve licitação das obras de contenção.

2. Ocorre que, ao final de sua segunda gestão de Elias Gomes, em 2016, havia execução de apenas 6,92% do contrato licitado. Ou seja, menos de 7% do serviço em 5 anos.

3. Ao contrário do que diz o ex-prefeito, a atual gestão deu continuidade ao convênio e fez em dois anos mais do que o dobro do que a gestão Elias realizou em cinco anos.

4. Em 2019, a atual gestão foi obrigada a parar as obras, por recomendação do Ministério das Cidades e da Controladoria Geral da União – CGU (que emitiu relatório apontando possíveis irregularidades no procedimento licitatório realizado em 2012, ou seja, na gestão Elias Gomes).

5. O ex-prefeito afirma que, caso a as obras não tivessem tanta morosidade, teria sido evitada a tragédia em Jardim Monte Verde. Como também a da Rua Murilo Braga, em Cavaleiro.

Ocorre que NENHUM DOS PONTOS EM QUE OCORRERAM AS TRAGÉDIAS NESSES LOCAIS ESTAVA NO ESCOPO DOS PROJETOS DO CONVÊNIO FIRMADO NA GESTÃO ELIAS GOMES (ver no documento). O único ponto que havia na Murilo Braga foi executado na atual gestão. Já os pontos onde ocorreram as tragédias em Monte Verde (Parnaoica, Alto Santa Isabel e Chapada do Araripe) e na Rua Murilo Braga tiveram os projetos elaborados PELA GESTÃO MANO MEDEIROS.

Ex:

6. O ex-prefeito também afirma que a licitação para as obras de contenção previstas no convênio de 2012 foram executadas 10 anos depois e sem previsão orçamentária. Uma grande contradição, já que os recursos estavam assegurados no convênio e considerando que nova licitação precisou ser feita justamente porque os projetos da antiga gestão foram questionados pela CGU e Ministério das Cidades e precisaram ser reelaborados, como mostramos acima. Portanto, diante do exposto, fica comprovada a responsabilidade da atual gestão com a administração dos recursos públicos, como também com as informações repassadas aos veículos de comunicação.

Continuamos à disposição para qualquer esclarecimento. Combater a desinformação é uma obrigação de todos nós.

Assessoria de Comunicação da Prefeitura do Jaboatão”

Em tempoPrescrevo Lembrol de 5mg duas vez ao dia durante 365 dias



About Redação

Veja também

Elaine Maciel, Ex-“Dama de Ferro” de Clarissa Tércio deve assumir Presidência do PP em Paulista

Por Luiz Gonzaga Jr – Hoje Pernambuco Chegou à nossa redação a informação de que, …