avenida-dantas-barreto-vira-passarela-para-manifestacoes-culturais-do-carnaval-do-recife

Avenida Dantas Barreto vira passarela para manifestações culturais do Carnaval do Recife

A Avenida Dantas Barreto, no bairro de Santo Antônio, inaugurou uma nova passarela dedicada ao tradicional Concurso de Agremiações do Carnaval do Recife. Neste domingo (11), as agremiações se concentraram na Rua Siqueira Campos, fazendo o trajeto ao longo da Dantas Barreto e dispersando logo após a Igreja de Santo Antônio. Desfilaram neste novo percurso Troças, Clubes e Blocos Carnavalescos Mistos e, para encerrar a noite, os Maracatus de Baque Virado.

O Concurso de Agremiações, promovido pela Prefeitura do Recife, reúne mais de 200 grupos tradicionais, que desfilam também na Avenida do Forte, no bairro do Cordeiro, até a terça-feira (13). Ao todo, a disputa reúne onze modalidades, tais como escolas de samba, tribos indígenas, maracatus, caboclinhos, bois e ursos.

Para a contadora Silvia Alves, 42 anos, o sorriso no rosto dos passistas foi uma das partes mais emocionantes. “Sou do Ceará e já estive no Carnaval do Recife outras vezes, mas nunca tinha vindo para esse lado ver o desfile de agremiações. Estou encantada com tanta beleza e alegria. A música que marca o desfile dos grupos é impressionante, mas o sorriso dos integrantes é muito bonito de ver”, contou Silvia.  

O desfile neste domingo (11) começou às 14h, quando se apresentaram as troças carnavalescas mistas, como os Abanadores do Arruda e os Batutas de Água Fria. Ao longo da tarde, desfilaram os blocos e clubes carnavalescos mistos. Todos esses foram massivamente aplaudidos pelos foliões na arquibancada. Entretanto, os grupos mais aguardados da noite foram os maracatus de baque virado, que começaram a entrar a partir das 20h.

Encanto do Pina, Xangô Alafin e Porto Rico foram alguns dos grupos de maracatus de baque virado que se apresentaram nesta noite. O cortejo dos grupos contou com elementos religiosos, representações da realeza, muitas cores e passos ritmados ao som potente dos percussionistas e da marcação dos mestres. 

O professor Josué Cavalcante, 67 anos, prestigiou o desfile das agremiações ao lado das filhas e netas. Ele ressaltou a importância da apresentação das mais variadas manifestações culturais da cidade. “É inegável que o Carnaval do Recife é uma verdadeira celebração da diversidade cultural. Dá pra ver a riqueza e a criatividade que cada grupo traz nessas apresentações, que representa uma parte única da nossa cultura”, contou o professor. 

PROGRAMAÇÃO – Na segunda-feira (12), o desfile de agremiações continua a partir das 10h na Avenida Dantas Barreto, iniciando com grupos de Maracatu de Baque Solto, Bois de Carnaval, Tribos Indígenas e Clubes de Bonecos. As Escolas de Samba entrarão por volta das 22h. Já na terça-feira (13), é a vez dos Ursos (La Ursa), Maracatus de Baque Solto e Caboclinhos desfilarem na Avenida Dantas Barreto a partir das 15h. 

Além da área Central do Recife, o desfile de agremiações também acontece no bairro do Cordeiro, na Avenida do Forte. Lá, as agremiações desfilam desde a sexta-feira (9). Entretanto, as apresentações ainda seguem até a terça-feira (13).

A apuração do Concurso de Agremiações acontece na quinta-feira (15), na Casa 10, no Pátio de São Pedro, a partir das 9h. Para ficar por dentro da programação oficial do Carnaval do Recife de 2024 – o maior em linha reta – acesse o site carnaval.recife.pe.gov.br.



About Redação

Veja também

prefeitura-do-recife-anuncia-expansao-de-escolas-em-tempo-integral

Prefeitura do Recife anuncia expansão de escolas em Tempo Integral

Com a ampliação, Rede Municipal de Ensino do Recife contará com 50% das escolas de …