Música gospel pode se tornar Patrimônio Cultural Imaterial do Recife

musica-gospel-pode-se-tornar-patrimonio-cultural-imaterial-do-recife

Seguindo a trilha do colega de casa, Marco Aurélio Filho (PRTB), vereador autor da proposta que transformou o brega em Patrimônio Imaterial do Recife em julho de 2021, o Pastor Júnior Tércio, vereador do Podemos, pretende ver em breve a música gospel também como Patrimônio Cultural Imaterial da cidade.

O político já até apresentou aos seus colegas parlamentares no final do mês de outubro o PL 363/2021, que em caso de parecer favorável, seguirá para sanção ou veto do prefeito João Campos (PSB). 

“Esse projeto visa fortalecer a música gospel no Recife, que a cada dia ganha mais adeptos e apreciadores do seu estilo por abordar evangelização e louvor. Sem falar da importante contribuição da música gospel para a restauração de vidas, através de suas mensagens”, explica Tércio.

Em tempo… Distante da cena artística evangélica, resta saber… caso chegue em suas mãos, se João Campos dará voto favorável, assim como fez com o ritmo que consagrou Reginaldo Rossi.

05/11/2021 às 10:28 – Por Andros Silva