pcr-realiza-curso-de-treinamento-em-primeiros-socorros-e-pilotagem-defensiva-para-motociclistas-entregadores

PCR realiza curso de treinamento em primeiros socorros e pilotagem defensiva para motociclistas entregadores

Ao todo, 45 profissionais serão treinados durante esta semana. A programação faz parte da parceria entre CTTU, SAMU Recife e ifood. (Foto: Daniel Tavares/PCR)

Com o objetivo de reduzir os fatores de risco para sinistros de trânsito com motociclistas, a Prefeitura do Recife, por meio da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) e do SAMU Recife, em parceria com o Ifood, iniciou, nesta terça-feira (28), um curso de primeiros socorros e pilotagem defensiva para motociclistas entregadores. A formação aconteceu no auditório do SAMU Recife, no bairro da Boa Vista. Ao todo, 45 entregadores serão treinados nesta semana. A atividade faz parte do Programa Piloto Seguro, que une as áreas de educação, fiscalização e engenharia de trânsito.

De acordo com os dados do Comitê Municipal de Acidentes de Trânsito (Compat), os motociclistas são os principais usuários contributivos para sinistros de trânsito com vítimas fatais (15,5% em 2019). O evento contou, ainda, com a parceria da empresa de entrega de refeições Ifood, com o Programa Anjos de Capacete, que trabalha com a segurança viária dos entregadores e tem atuação inédita no Recife.

Para a presidente da CTTU, Taciana Ferreira, a parceria é importante porque envolve várias instituições no objetivo de salvar vidas. “O Programa Piloto Seguro tem mostrado potencial para agregar várias instituições públicas ou privadas, como o SAMU e Ifood. Cada um fazendo a sua contribuição para evitar mortes no trânsito. Estamos aqui dando orientações a esses motociclistas sobre pilotagem defensiva, e a mensagem principal é de reduzir a velocidade e afivelar o capacete da maneira correta para que todo mundo volte para casa em paz no fim do dia”, destacou a gestora.

O diretor de Políticas Públicas do Ifood, João Sabino, falou sobre a importância de formar esses entregadores com instruções sobre primeiros socorros, tanto para que possam se proteger, como, ainda, para auxiliar outras pessoas nas ruas. “A possibilidade de formar esses entregadores parceiros ajuda a distribuir olhares atentos para a segurança no trânsito de forma geral. São parceiros essenciais, que já circulam pelas ruas da cidade.  Nos diferentes tipos possíveis de acidentes, seja com motorista, motociclista, ciclista ou com pedestres, o trânsito de Recife vai contar com um apoio adicional desses entregadores. Afinal de contas, esses profissionais estão cientes das medidas que devem ser tomadas, o que pode muitas vezes ser decisivo, por exemplo, para salvar uma vida”, comentou.

PROGRAMA PILOTO SEGURO – Lançado durante o Maio Amarelo de 2021, o Programa Piloto Seguro tem o objetivo de reduzir os sinistros de trânsito com motociclistas, que são os principais usuários contributivos para esses eventos, de acordo com o relatório do Comitê Municipal de Acidentes de Trânsito de 2019. De forma inovadora, o programa une várias áreas da gestão de trânsito – educação, engenharia e fiscalização – para proporcionar mais segurança viária aos motociclistas com conscientização, estrutura viária, blitze educativas e encontros com motociclistas.

About Redação

Check Also

feira-de-artesanato-nossa-arte-completa-cinco-anos-com-programacao-especial

Feira de Artesanato Nossa Arte completa cinco anos com programação especial

Nos dias 09 e 10, das 10h às 18h, no Alto da Sé Publicado por: …

%d blogueiros gostam disto: