prefeitura-do-recife-adota-medidas-para-evitar-disseminacao-do-novo-coronavirus

Prefeitura do Recife adota medidas para evitar disseminação do novo coronavírus

 

Após a confirmação dos dois primeiros casos importados do novo coronavírus no Estado, nesta quinta-feira (12), e da Organização Mundial de Saúde decretar pandemia do Covid-19, o prefeito Geraldo Julio realizou mais uma reunião de monitoramento da situação do novo vírus na cidade. Na reunião, foi deliberado o adiamento do espetáculo do Boi Voador, que seria realizado pela Prefeitura do Recife neste domingo (15), como parte das comemorações do aniversário da cidade. 

Além disso, a XIII Cúpula Hemisférica de Prefeitos e Governos Locais, que seria realizada de 17 a 20 de março foi cancelada. A decisão foi tomada em conjunto com os demais realizadores do evento: a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), Confederação Nacional de Municípios (CNM), Federação Latinoamericana de Cidades, Municípios e Governos Locais (Flacma), Governo do Estado de Pernambuco, Prefeitura de Olinda e as Cidades e Governos Locais Unidos (CGLU). O Seminário do Pacto Nacional pela Primeira Infância, que aconteceria 30 e 31 de março, também foi adiado em consenso com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), parceiro na realização do evento.

Outra medida adotada será o reforço das ações para a população idosa. A Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife vai dar orientações aos profissionais dos equipamentos de assistência social que abrigam e atendem a essa população. As Casas de Acolhida Ieda Lucena e Porto Seguro, além do Abrigo Noturno Irmã Dulce, da Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos (SDSJPDDH), também receberão cartazes e folders sobre as formas de prevenir doenças respiratórias como a Covid-19. A visitação de pessoas que apresentem sintomas associados ao novo coronavírus nesses equipamentos será suspensa. A população idosa é a mais vulnerável à nova doença. A taxa de letalidade pode chegar a 15% na faixa acima dos 80 anos. 

Essas medidas se somam a uma série de ações que já vem sendo adotadas no município desde o dia 28 de janeiro, quando foi montado o Comitê Municipal de Resposta Rápida ao Coronavírus. 

Confira o cronograma das ações da Prefeitura do Recife relacionadas ao coronavírus:

28/01 – Instalação do Comitê Municipal de Resposta Rápida ao Coronavírus, um dia após a divulgação do primeiro caso suspeito de Covid-19 no Brasil

30/01 – No dia em que a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou emergência internacional por causa do novo coronavírus, a Sesau Recife participou da reunião promovida pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), junto com profissionais da Anvisa, Cosems, Lacen, Fiocruz, Sindhospe, Sociedade Brasileira de Infectologia e representantes de hospitais públicos e privados. Seguindo as orientações do Ministério da Saúde (MS) e da OMS, foram alinhados o protocolo e o fluxo de atendimento nas unidades de saúde do Estado.

31/01 – Foi feita uma capacitação com mais de 60 profissionais da Vigilância Epidemiológica do Recife e com os núcleos de epidemiologia das unidades de saúde municipais e privadas.

04/02 – Um dia depois de o Ministério da Saúde declarar emergência de saúde pública de importância nacional, a Secretaria de Saúde do Recife intensificou a capacitação e orientações para mais de 60 profissionais da Atenção Básica, Média e Alta Complexidade e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ligados à Secretaria de Saúde do Recife, na sede da Diretoria Executiva de Vigilância à Saúde (DEVS), em Santo Amaro.

04/02 – Profissionais do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância à Saúde (Cievs) do Recife visitaram o Consulado Chinês, já que o país é o epicentro da disseminação desse surto de coronavírus. Objetivo foi passar orientações sobre a doença e o que deve ser feito caso tenham conhecimentos de pessoas que vão para a China ou voltaram de lá com sintomas da doença.

06/02 – Recife participou da Comissão de Intergestores Tripartite (CIT), em Brasília, onde falou sobre as ações da capital pernambucana relacionadas ao coronavírus. O secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia, representou os mais de cinco mil municípios do País. A CIT é o principal fórum deliberativo do SUS no Brasil, reunindo municípios, estados e Governo Federal.

13 a 17/02 – Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) começaram a receber atualizações sobre o novo coronavírus, juntos às orientações para o carnaval. O treinamento, dividido em seis turmas, também se estendeu a profissionais do Corpo de Bombeiros, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e trabalhadores aeroportuários, totalizando cerca de 250 participantes, que repassarão o conteúdo para os demais colegas de trabalho. 

18/02 a 20/02 – A Secretaria de Saúde do Recife também capacitou cerca de 50 profissionais da Secretaria Municipal de Turismo, Lazer e Esportes (Seturel) do Recife, representantes do trade turístico, do Sindicato dos Taxistas de Pernambuco e de motoristas de aplicativos como 99 Pop e Uber, para que eles repassem para os demais profissionais. Somente o Sindicato dos Taxistas tem cerca de seis mil motoristas cadastrados. Os participantes também receberam parte dos 50 mil folders informativos em português, inglês, espanhol e mandarim que foram distribuídos pela Sesau Recife em hotéis, porto, aeroporto, polos de carnaval e pontos turísticos. O material em mandarim ainda foi entregue ao Consulado Chinês e aos comerciantes chineses que trabalham no Centro do Recife.

25/02 – Acionamento do plano de contingência elaborado pela Sesau Recife a partir da chegada da caruaruense de 51 anos com suspeita de infecção por coronavírus ao Aeroporto Internacional do Recife. O Samu Metropolitano do Recife fez o transporte da paciente para o Huoc, e a Vigilância Epidemiológica do município começou a apoiar a Anvisa e a Secretaria de Saúde do Estado no monitoramento dos passageiros que tiveram contato com o caso suspeito.

27/02 a 11/03 – A Secretaria de Saúde do Recife tem participado das coletivas de imprensa da Secretaria Estadual de Saúde, que acontecem quase que diariamente para repassar as atualizações sobre as investigações dos casos suspeitos do novo coronavírus no estado.

28/02 – A Prefeitura do Recife presta queixa contra internauta que divulgou em redes sociais a informação falsa de que existem “61 casos confirmados” de coronavírus no Recife. O cidadão, residente na cidade de Jaboatão dos Guararapes, foi localizado, prestou depoimento e confessou o ato. O caso agora segue em investigação pelo Ministério Público de Pernambuco.

05/03 – A Vigilância Epidemiológica do Recife enviou um ofício para o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de Pernambuco (Sinepe-PE) e para a Secretaria Municipal de Educação com esclarecimentos e orientações a serem repassadas a todas as escolas da cidade sobre como identificar um caso suspeito de infecção pelo novo coronavírus e como se prevenir dessa e outras infecções.

10 e 11/03 – A convite do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), o secretário de saúde do Recife, Jailson Correia, esteve na sede da Organização Pan Americana da Saúde (Opas), em Brasília, representando os municípios brasileiros em um evento internacional para discutir protocolos clínicos de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19). Também participaram a diretora-executiva de Vigilância a Saúde do Recife, Joanna Freire, e o coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Metropolitano Recife.

11/03 – No dia em que a OMS declarou pandemia, profissionais da Vigilância Epidemiológica do Recife, juntamente a um infectologista do Hospital Correia Picançoo visitaram um colégio particular do Recife, que tem um aluno com caso suspeito em investigação, para repassar esclarecimentos e orientações sobre a doença.

12/03 – Realização de nova reunião de monitoramento, após a confirmação dos dois primeiros casos de Covid-19 em Pernambuco com a determinação de novas medidas de contenção

Secretaria?: 
0
Secretária / Órgão: 
Categoria/Assunto: 

img_alt

O espetáculo O Boi Voador e outros dois eventos que aconteceriam na cidade no mês de março foram adiados. Além disso, serão reforçadas ações preventivas e informativas, especialmente para a população idosa. (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR)

Carrossel?: 
0
Compartilhe
%d blogueiros gostam disto: