pcr-realiza-primeira-acao-do-acessa-juventudes-no-bairro-da-iputinga

PCR realiza primeira ação do Acessa Juventudes no bairro da Iputinga

 

Com o objetivo de aproximar a gestão municipal dos jovens das comunidades em situação de vulnerabilidade, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos (SDSJPDDH), realizou, no último sábado (14), a primeira edição do Acessa Juventudes. Na ocasião, foram realizadas ações como a caravana da prevenção, expresso cidadão, emissão de ID Jovem, oficina de Abayomi, orientações sobre uso de preservativo e grafite em camisetas. A ação impactou pelo menos 75 jovens.  O Acessa Juventudes é uma iniciativa que surgiu a partir de um plano de ações que começou a ser elaborado em 2017 com moradores de três áreas da Região Político Administrativa 4 (RPA-4), onde estão compreendidas as comunidades de Abençoada por Deus, Detran e Vila Santa Luzia. A iniciativa prevê a realização de serviços com o intuito de reduzir as vulnerabilidades prevalentes da juventude negra no campo da violência física e simbólica em decorrência do racismo estrutural, e também no âmbito das possibilidades, oportunidades e trajetórias de vida. A secretária executiva de Juventude do Recife, Camila Barros, acredita que a primeira edição do Acessa Juventude foi promissora. “A iniciativa prevê, sobretudo, levar a gestão pública para dentro das comunidades que fazem parte do monitoramento do Grupo de Trabalho Juventude Negra por Direitos. Além disso, as ações também visam ouvir os jovens que estão nas comunidades e buscar, junto a eles, as oportunidades”, afirmou a gestora.  As intervenções do Acessa Juventudes foram organizadas pelo Grupo de Trabalho Juventude Negra por Direitos, criado em 2016 e formado atualmente por quinze secretarias municipais, sob o comando da Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos do Recife (SDSJPDDH). O GT tem por objetivo realizar ações integradas de prevenção e enfrentamento ao genocídio da juventude negra. Além da comunidade Abençoada por Deus, estão previstas para os próximos meses ações nas comunidades Detran e Vila Santa Luzia. 

Secretaria?: 
0
Categoria/Assunto: 

img_alt

Cerca de 75 jovens do Conjunto Habitacional Abençoada por Deus foram beneficiados pela iniciativa (Foto: Cortesia)

Carrossel?: 
0
Compartilhe
%d blogueiros gostam disto: